Os segredos para uma bela Cortina de Tecido

As Cortinas de Tecido são um clássico, seu charme e beleza enaltece qualquer ambiente e, escolhendo corretamente o material, cores e texturas, se adaptam a qualquer projeto.

Neste contexto, algumas dicas são essenciais para que as peças se destaquem e harmonize com a decoração existente, tais como:

* Costura – são várias possibilidade de costura, as quais influenciam diretamente no caimento e design do produto, exemplo: prega wave, americana, macho, fêmea, franzida ou no ilhós. Cada uma destas pregas deve ser levada em consideração, uma vez que proporcionarão ao tecido um detalhe mais reto ou ondulado, volumoso ou delicado.

* Volume – é um dos pontos mais importantes a ser analisado, uma vez que as Cortinas de Tecido se caracterizam pela imponência e requinte, a quantidade de tecido que será utilizado por metro linear será o diferencial para ter uma peça bela ou não. A proporção ideal é 3,5 pra 1, ou seja, a cada metro linear do espaço a ser instalado deve ser utilizado 3,5 metros de tecido, sendo assim, uma cortina de 2,5m de largura deve ser utilizado cerca de 9m de tecido.

* Bainha – se caracteriza pela costura nas extremidades do tecido, uma bainha ideal na parte inferior da cortina com de 20 cm.

* Acabamento – deve ser analisado os cortes alinhados, a costura e outros fatores relacionados aos pequenos detalhes da peça.

* Qualidade do Tecido – são vários tipos de tecidos disponíveis, como gaze de linho, linho, voil, seda, algodão, poliéster e blackouts, sendo a qualidade destes de extrema importância para durabilidade do produto.

* Acessórios – é a “cereja do bolo”, se caracterizando como componentes fundamentais para realçar o charme e elegância da peça, tais como: abraçadeiras, pingentes, ponteiras e puxadores.